DPVAT RJ 2020✅[saiba tudo a respeito]

Seguro DPVAT RJ Para quem não conhece, o DPVAT é um tipo de seguro que deve ser pago pelos condutores anualmente e serve para danos pessoais ocasionados por veículos. O DPVAT RJ é o seguro pago pelos condutores do estado do Rio de Janeiro.

Dessa forma, qualquer cidadão que tenha se envolvido em um acidente de trânsito, seja pedestre, motorista ou passageiro, pode ter acesso à indenização, independentemente de quem tenha culpa, podendo ser requerido em casos de morte, invalidez ou reembolso de despesas médicas.

Portanto, se você está mesmo interessado e procurando saber um pouco mais sobre o DPVAT RJ 2020, basta continuar lendo pois é justamente sobre ele que falaremos aqui hoje, acompanhe.

 

O que é o DPVAT RJ

O DPVAT é um seguro obrigatório administrado pela Seguradora Líder. Todos os condutores proprietários de veículos devem pagar esse seguro anualmente, juntamente da cota única ou primeira parcela do IPVA.

Ele se trata de um seguro de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres. Sendo assim, ele pode ser requerido sempre que houver morte, invalidez ou despesas médicas, cobrindo tanto motorista quanto o passageiro ou pedestre.

Obviamente, os valores da cobertura podem variar um tanto, de acordo com a finalidade. Para reembolso por despesas médicas, por exemplo, a indenização é de R$ 2.700.

Já para casos de invalidez permanente, seja total ou parcial, e para casos de morte, a indenização pode chegar a até R$ 13.500, lembrando que em casos de morte o valor pode ser requerido pelos dependentes da vítima.

 

Como fazer o pagamento do DPVAT RJ

Pois bem, o DPVAT RJ pode ser pago por meio de um boleto, lembrando que isso deve ser feito sempre dentro do prazo certo e indicado. Para isso, você pode acessar ao site oficial da Seguradora Líder, que é a responsável por esse seguro em todo o território nacional.

Para conseguir fazer a emissão desse boleto, basta seguir esses passos:

  • Acesse o site oficial da Seguradora Líder, clicando aqui
  • Você será direcionado diretamente para a página de emissão dos boletos do DPVAT
  • Clique na opção que diz “Emissão de Guia” no campo de Pagamento de Seguro
  • Preencha os seus dados corretamente, incluindo o número do Renavam, endereço de e-mail, placa do automóvel e o que mais for solicitado
  • Clique no botão que diz “emitir” e pronto

Seguindo esses passos simples e descomplicados, você terá o seu boleto do DPVAT RJ em mãos, para poder pagá-lo e ficar em dia com as suas obrigações.

Com ele em mãos, você poderá realizar o pagamento em qualquer agência bancária, casa lotérica ou até mesmo pelo si internet Banking.

O mais importante é lembrar que o pagamento do seguro DPVAT RJ, tal como o IPVA, precisam estar em dia para que seja possível renovar o documento veicular na cobrança do licenciamento.

Valor do DPVAT RJ

Atualmente, o valor do DPVAT RJ 2020 se mantém o mesmo do ano de 2017, sem alterações, que é no total de R$ 63,69 para todos aqueles proprietários de veículos simples e taxis.

Já para quem é dono de caminhão, o valor é de cerca de R$ 66,66 e os proprietários de motocicletas pagarão o valor de R$ 180,65. Os cidadãos que possuem ônibus pagarão um total de R$ 246,23 e os micro-ônibus pagarão o valor de R$ 152,67.

O mais importante é destacar que a falta de pagamento desse seguro não resulta em reajuste do valor por multas ou juros. Mais do que isso, o atraso do mesmo tem sido algo comum, visto que tem ocorrido atrasos na emissão das guias, o que leva as pessoas a esquecerem do valor.

O que acontece é que, se você perder a data de vencimento do boleto, será preciso ir até o site da seguradora e realizar a emissão da 2ª via.

 

Como solicitar a indenização do DPVAT RJ

Para que se tenha acesso à indenização oferecida pelo seguro DPVAT RJ. É preciso que o beneficiário apresente uma série de documentos que serão solicitados pela Seguradora Líder.

Dentre eles, podemos incluir o RG, boletim de ocorrência do acidente e outros, que podem ser solicitados de acordo com cada situação e com as consequências do acidente.

Isso porque, no caso de despesas médicas, por exemplo, pode ser preciso apresentar comprovantes de pagamentos das despesas, além de um formulário de pedido de seguro.

Em caso de invalidez permanente, é necessário apresentar comprovante de residência, RF, CPF e outros. Caso a própria pessoa não possa realizar esses procedimentos, é possível que isso seja feito por meio de um procurador.

Nos casos fatais, a documentação vai depender se a vítima era casada, judicialmente separada, se tem herdeiros legais e etc. De qualquer forma, será preciso um laudo e um auto feito pelo IML.

O mais importante é salientar que o DPVAT RJ não oferece cobertura para acidentes sem vítimas, ou seja, cobertura para danos materiais não são incluídos.

Pronto, agora você já sabe mais sobre o DPVAT RJ, como funciona, como emitir seu boleto e como entrar com sua solicitação de indenização!

Leave a Reply